Participar & Escrever

    • 2015-06-30 21:50:0230 Junho 2015 editado
    • #1

    Boa noite, chamo-me Ana e tenho 18 anos, em outubro de 2014 senti um caroço no peito direito, fui ao médico e fiz uma mamografia, o caroço que sentia tinha 10mm mas descobri que tenho varios nodulos em ambos os peitos, o médico que me fez a mamografia aconcelhou me a fazer uma biópsia, visto que tenho vários casos de cancro da mama na família, inclusive a avó materna e paterna, o meu médico de família viu a mamografia mas disse na altura que so tinha 18 anos,que nao deviaser nada, pra vigiar e dali a um ano voltar lá, o facto é que no dia 19/6 deste ano, ou seja, semana passada, ao fazer palpação senti que o caroço está maior e doeu-me ao tocar, no dia 22/6 senti umas dores horriveis mesmo sem tocar, fiquei assustada e dirigi me a um posto médico, a médica que me atendeu aconcelhou a pedir ao meu médico de família uma nova mamografia e uma ecografia aos ovarios visto que tenho quistos nos ovários e puderia estar tudo ligado, marquei consulta e o meu médico mais uma vez relativizou dizendo que provavelmente era de fazer esforço ou assim e o que me doía eram os musculos (?) , entretanto disse me para Marcar consulta mais pra frente, julho, agosto ou até outubro e depois viamos... A minha questao é , ando indisposta a vários dias , sinto me extremamente cansada, com dores de cabeça horriveis ! Posso estar com cancro ?


    • 2015-07-01 01:45:21 1 Julho 2015
    • #2

    Mude de médico. Aqui ninguém lhe vai conseguir dizer mais nada.

    • 2015-07-01 10:57:50 1 Julho 2015
    • #3

    Obrigada de qualquer forma.

    • 2015-07-01 13:01:36 1 Julho 2015
    • #4

    Tomas a pílula? Pode ser disso.

    • 2015-07-01 13:26:32 1 Julho 2015
    • #5

    Sim tomo, mas ja ha mais de 5 anos, é muito pouco provavel que seja disso...

    • 2015-07-01 14:33:19 1 Julho 2015
    • #6

    Pois, mas como poderá imaginar, os efeitos mais negativos, nomeadamente a nível de cancro, não aparecem de um dia para o outro, mas sim com o uso prolongado de vários anos. Se tem historial de cancro na família, não devia tomar. Já toma a pílula desde os 13 anos? Isso é terrível. Retire a pílula e adopte outro método, que não faça mal. Adopte métodos naturais, observe o seu muco vaginal e meça a temperatura quando acorda. Quando tiver no período fértil, a temperatura baixa muito. Ao contrário da propaganda que diz que não fiáveis, são, se forem bem respeitados. A abstinência , se quer chamar assim, são de 3 dias, que é período fértil. O dia da ovulação e os 2 dias anteriores. Seja como fôr aconselho-a, se tem historial de cancro na família, a não tomar a pílula e a adoptar outro método. Disse aos médicos que tinha na família casos de cancro na mama e deixaram que tomasse a pílula? Os médicos realmente só se interessam em ganhar dinheiro, porque recebem para prescrever a pílula. A menina não sabe que não se deve tomar a pílula quem tem casos de cancro da mama na família ou pré- disposição para problemas a nível de sangue, como varizes, etc? Depois queixam-se.

    • 2015-07-01 15:04:40 1 Julho 2015
    • #7

    Muco vaginal? Temperatura? Abstinência? Isso é tudo menos fiável!!!! Tenha juízo a aconselhar isso...

    • 2015-07-01 16:45:27 1 Julho 2015
    • #8

    De facto mesmo sabendo do meu histórico de familia aconcelharam me a pílula... Não, não sabia dos malefícios até porque comecei a tomar aos 13 por ter dores horrivéis e como é normal achamos que os médicos sabem o melhor para nós...

    • 2015-07-01 18:58:01 1 Julho 2015
    • #9

    Raquelsilvahb, confie no seu médico, mas peça uma segunda opinião relativamente aos exames. ;)
    Esqueça é os métodos naturais para evitar a gravidez. ;)

    • 2015-07-01 19:52:22 1 Julho 2015
    • #10

    Torna-se dificil quando tudo o que digo ele relativiza porque só tenho 18 anos... Mas obrigada pelo concelho

    data-ad-client="ca-pub-8057434045421582" data-ad-slot="3064784842">
    • 2015-07-01 21:45:48 1 Julho 2015
    • #11

    Nesse caso, peça opinião a outro especialista. ;)

    • 2015-07-01 21:48:53 1 Julho 2015
    • #12

    Tenho consulta dia 17, se aí ele não me esclarecer e não der o devido valor a situação, vou sim pedir opinião a outro médico .
    Obrigada

    • 2015-07-01 23:43:53 1 Julho 2015
    • #13

    Raquelsilvahb, acabei de ouvir na net, que quem tem dores na mama, seja benigno ou maligno, deve suspender o uso da pílula. Se quiser assista a palestra no youtube Efeitos físicos dos contraceptivos.

    • 2015-07-02 07:10:40 2 Julho 2015
    • #14

    Bom dia, sim vou ver, muito obrigada pelo concelho.. Mais uma vez se assim é não percebo realmente o que o meu médico " anda a fazer" ... Enfim

  1. Raquelsilvahb, se fosse a si não esperava para ir ao médico dia 17, ia tentar já fazer exames. Pelo que eu li, os sintomas que apresenta podem ser já de uma fase mais avançada da doença, sem a querer assustar. Vá já a outro médico, tirar as teimas. A propósito, viu a palestra, o que é que achou?

    • 2015-07-03 11:22:08 3 Julho 2015
    • #16

    Bom dia, de momento estou a estagear em fátima e moro no norte, por isso a consulta ficou para dia 17... Quanto a palestra confesso que fiquei confusa, quando fui a ultima consulta no fim desta, perguntei se fazia mal nao fazer a pausa da pílula, visto que tenho muitas dores e a minha sogra tinha andado a tirar um curso de enfermagem e lá disseram que não era necessário fazer a pausa, como sempre me disseram que se devia fazer perguntei ao meu médico e ele disse que nao era preciso fazer porque wuando se toma a pílula o que se tem é um falso periodo e que muitas mulheres o teem so para ter a certeza que está tudo bem... Mais uma vez não percebo o que se passa, se é o médico que por eu ter " apenas" 18 anos não posso estar doente ou se realmente eu é que estando com medo penso nisto e nao tenho nada... Já não sei que pensar...:sour:

  2. Olá!
    Tenho 24 anos e tenho exactamente o mesmo problema que tu.
    Quando tinha 17/18 anos apareceu-me um caroço na mama direita e fui imediatamente ao médico, onde fiz uma ecografia.
    Disseram-me que era benigno, mas que convinha sempre controlar.
    Ao longo dos anos, esse caroço foi crescendo e fui sempre acompanhando com ecografias regulares, onde foram detectados mais "mini-caroços" em ambas as mamas, principalmente na zona perto das axilas. Também tenho quistos nos ovários.
    Também tenho casos de cancro da mama na família e, embora sempre me tenham dito que não era nada de preocupante, chegou a um ponto em que o caroço já tinha mais de 3cm e me incomodava, e por isso há uns meses resolvi submeter-me a uma cirurgia para o remover e ficar mais aliviada :) Tirei o caroço, mas ganhei uma cicatriz :P

    A verdade é que não é mesmo nada de preocupante. Estes carocinhos chamam-se fibroadenomas e costumam aparecer entro os 18 e os 30 anos. É muito comum nas mulheres e aparecem normalmente por questões e alterações hormonais. No entanto, convém sempre ires controlando e, caso te incomode muito (dores, deformações na mama, ou crescimento em demasia), sugiro-te que faças como eu e o removas.

  3. Já agora, evita tomar a pílula só por tomar.
    Se o fazes como contraceptivo, aconselho-te vivamente que experimentes, em vez da pílula, o anel vaginal.
    É muito mais cómodo e menos agressivo, e protege-te da mesma forma.
    Só tens de tirar e pôr uma vez por mês, para que tenhas a menstruação.
    Chama-se Nuvaring e é vendido em qualquer farmácia (o preço ronda os 10€).
    A pílula é das piores coisas que uma mulher pode fazer a si própria.

    • 2015-07-06 22:25:24 6 Julho 2015
    • #19

    Margarida4, referes-te ao anel vaginal, de progesterona exclusiva? Estes métodos são abortivos. Só apenas a progesterona não impede a ovulação, por isso pode haver fecundação. O que este método faz é retirar o embrião do endométrio, daí ser abortivo. A mulher nem soube que esteve grávida.

    • 2015-07-06 22:44:17 6 Julho 2015
    • #20

    O anel vaginal é um método hormonal igual à pílula, com estrogéneo e progesterona. Tomar um ou outro, o mal continua a ser o mesmo.

    • 2015-07-09 16:24:09 9 Julho 2015
    • #21

    Tenho consulta dia 17, vou certamente fazer uma nova ecomamaria e depois verei o que o médico aconcelha..